Calendário

Apresentação

O Colegiado de Graduação em Enfermagem é o órgão responsável pela gestão didático-pedagógica do Curso de Enfermagem. Este se responsabiliza pela gestão dos convênios dos estágios, mobilidade acadêmica, flexibilização curricular, laboratório de enfermagem, acompanhamento e avaliação curricular, tutoria para os alunos, Trabalho de Conclusão do Curso (TCC). Além dessas atividades o colegiado é responsável pela Revalidação de diplomas, Reopção de Cursos, Acertos de Matrículas dos Alunos e Recepção de calouros. Algumas dessas atividades são coordenadas por comissões específicas vinculadas ao Colegiado. O Curso além de coordenar, orientar e avaliar suas atividades específicas vem envidando esforços para o desenvolvimento de Projetos como: Pró Saúde, Pet Saúde e Intercâmbio Estudantil estabelecendo mecanismos de cooperação interinstitucional visando a excelência na qualidade do ensino em enfermagem que é comprometida com as demandas da sociedade e dos serviços de saúde no Brasil.

O curso de graduação em Enfermagem tem duração de dez semestres, com disciplinas de diversas áreas do conhecimento como, Ciências Biológicas, Ciências do Comportamento e Sociais, Administração, Educação, Pesquisa e os específicos à Enfermagem. No curso, são abordados conteúdos relacionados ao processo saúde/doença do cidadão, da família e da comunidade. O curso de Enfermagem da UFMG oferece a possibilidade de uma formação complementar com o envolvimento dos alunos em projetos de pesquisa e extensão, o aprimoramento discente como bolsistas ou voluntários e a iniciação à docência. Oferece, também, estágio não-obrigatório no Hospital das Clínicas da UFMG.

Nos dois últimos períodos do curso, há o estágio curricular exclusivo e obrigatório, que são realizados na Área Hospitalar e na Atenção Básica em Saúde. Nesta última, os alunos participam do Internato Rural, em que atuam, durante quatro meses, integrando Equipes de Saúde da Família que atuam em cidades do interior de Minas Gerais. Esta é uma oportunidade para eles entrarem em contato com diferentes realidades regionais e para se aperfeiçoarem no desenvolvimento de ações de prevenção de doenças, promoção e recuperação da saúde.