Calendário

Novembro 2021
Seg Ter Qua Qui Sex Sáb Dom
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

Lives discutem implicações da Inteligência Artificial na área da saúde

Inteligencia artificialComo a Inteligência Artificial (IA) pode melhorar nossa saúde? Existem oportunidades da IA para saúde e bem-estar? Quais os desafios éticos e legais da IA aplicada à saúde? Essas questões serão debatidas durante as três lives que integrarão a programação da Semana do Conhecimento UFMG, no dia 27 de outubro, a partir das 15h. Cada encontro terá duração de 60 minutos e será transmitido em sequência pelo canal do Instituto de Estudos Avançados Transdisciplinares (IEAT) no Youtube.

Os convidados são cientistas e profissionais da UFMG e de outras organizações públicas e privadas. Segundo a professora da Faculdade de Medicina da UFMG e coordenadora de Educação e Difusão do Conhecimento do Centro de Inovação em Inteligência Artificial para a Saúde (CIIA-Saúde), Zilma Reis, o objetivo do evento é manter um canal de diálogo com a sociedade, "inclusive com os profissionais de saúde que ainda veem as ferramentas computacionais, tecnológicas e de robótica como distantes e intangíveis na sua formação e na vivência da assistência”.

Na live das 15h, sobre Como a IA pode melhorar nossa saúde, participam os professores Tom Ribeiro, vice-diretor do CIIA-Saúde, e Nívio Ziviane, do Departamento de Ciência da Computação da UFMG. O professor Virgílio Almeida, diretor do CIIA-Saúde, será o moderador.

Às 16h, o tema será Oportunidades da IA para saúde e bem-estar, com os professores convidados Wagner Meira, coordenador do CIIA-Saúde, o médico Sérgio Adriano Loureiro Bersan, da Unimed, e a professora Ana Paula Couto da Silva, como mediadora.

Na úlitma live, às 17h, os professores Leonardo Netto Parentoni , da Faculdade de Direito da UFMG, e Mário Neto Borges, da Facens e Newton Paiva, debaterão os Desafios éticos e legais da IA aplicada à saúde, com moderação da professora Zilva Reis.

IA na tomada de decisões
A Inteligência Artificial (IA) é um campo que combina ciência da computação e grandes volumes de dados, com o objetivo de desenvolver a construção e o estudo de algoritmos capazes de fazer predições sobre dados e a resolver problemas de forma exponencialmente mais rápida e mais eficaz, explica a professora do Departamento de Ciência da Computação da UFMG Ana Paula Couto, que também integra o CIIA-Saúde.

Ana Paula lembra que algoritmos de Inteligência Artificial já estão no nosso dia a dia, nos filtros AntiSpam, em sistemas de busca na internet, no reconhecimento de imagens e em vários campos da ciência. Na área da saúde, essa ferramenta tem grande utilidade no processo de tomada de decisão dos profissionais, com base em evidências científicas mais sólidas e que podem ser geradas rapidamente considerando potencialmente um sem-número de variáveis.

Veja a programação da Semana do Conhecimento UFMG 2021, que ocorre de 25 a 29 de outubro.